Saiu a primeira convocação da seleção nacional de skate

Atletas das categorias masculina e feminina poderão ser trocados a cada ano até as Olimpíadas de 2020, nas modalidades park e street.

|
11 Abril 2018, 8:11pm

(Captura de tela via Facebook)

Os ilustres Bob Burnquist e Sandro Dias Mineirinho, que agora além de serem dois dos maiores skatistas do mundo gerenciam a Confederação Brasileira de Skate, anunciaram nesta quarta (11) os escalados para formar o time nacional do esporte. Bob, presidente, e Mineirinho, diretor, depois de lançarem o calendário anual, divulgam a Seleção Brasileira de Skatepark e Street, com 16 nomes, nas duas categorias olímpicas.

No park masculino, foram selecionados Pedro Barros, Luizinho Francisco, Murilo Peres e Ítalo Penarrubia; no street masculino: Kelvin Hoefler, Luan Oliveira, Tiago Lemos e Felipe Gustavo; no park feminino, Yndiara ASP, Dora Varella, Isadora Pacheco e Camila Borges estão entre as escolhidas; enquanto, no street feminino, Letícia Bufoni, Pâmela Rosa, Mônica Torres e Gabriela Mazetto entraram na lista de convocação.

(Captura de tela)

Mineirinho frisa: “A partir de 2019, a seleção será formada com base no ranking de atletas do calendário anual auditado pela CBSk.” Ou seja, os melhores colocados no circuito do ano anterior sempre servirão de base à formação do time do ano seguinte.

Para formar a seleção deste ano, como ainda não existia um calendário reconhecido oficialmente pela nova gestão da CBSk, em posse desde outubro passado, os atletas foram escolhidos por meio de um comitê técnico. No esquema estabelecido, os três primeiros skatistas do ranking estarão automaticamente convocados. As vagas restantes serão preenchidas com nomes indicados pelo comitê técnico.

Leia mais sobre skate e outros esportes no canal VICE Sports.

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter e Instagram.