Publicidade
Este artigo tem mais de 5 anos.
18+

Miúda, aprende a fingir um orgasmo

Mas só quando a pila que está dentro de ti merece o esforço.

Por Kat George
30 Abril 2013, 5:30pm



É raro fingir um orgasmo. Se um gajo não me está a satisfazer, também não me sinto na obrigação de fazer caridade. E, mais importante do que isso, simular um orgasmo durante uma má foda é uma péssima ideia e um mau serviço prestado às mulheres de todo o mundo — perpetua, na cabeça do tal gajo, a ideia que até tem jeito para a coisa, quando, na verdade, é um zero à esquerda. A próxima miúda que lhe cair na cama é que vai sofrer.

Mas sim, há alturas em que é vital fingir um momento: quando gostas muito dele ou quando o gajo até se está a sair bem e tu é que não estás com muita disposição coital. Sinto-me na obrigação de realçar o facto de o caminho para o orgasmo ser tanto físico como mental, coisa que até os homens adultos parecem não saber. Podem  tocar-te em todos os botões, podes ver a linha da meta no horizonte, mas, a menos que estejas completamente presente naquele momento, não vai acontecer.

O que não significa que não valha a pena fazer sexo. Só significa que às vezes tens um dia cansativo e apetece-te mais descansar do que foder. Por isso, cá vai: dicas para fingir um orgasmo quando a pila que está dentro de ti merece que te esforces um bocadinho.

ARQUEIA AS COSTAS, MIÚDA
Fui buscar esta ideia a uma canção do Miguel, mas realmente mais vale ser dramático quando se finge um orgasmo. Quando é um dos verdadeiros, estás tão fora de ti que nem prestas atenção à sensualidade dos teus movimentos. Aproveita que vais estar a fingir para treinar esses golpes de anca — para cima, para baixo ou para os lados. Pensa numa serpentina ao vento. Pensa na maneira como os filmes americanos retratam um orgasmo. O teu homem vai ficar tão hipnotizado que nem vai pensar que talvez estejas a fingir. Vai só pensar que lhe saiu o jackpot (e saiu).

FAZ BEICINHO
Os lábios são outro dos teus recursos válidos nesta simulação sexual. Nunca deves ter visto a tua cara durante um orgasmo, mas aposto que é parecida com a fazes quando estás a levantar pesos no ginásio. Faz beicinho, semicerra os olhos de forma sensual e agarra no teu cabelo como se fosses uma stripper com uma ventoinha à frente. Mas não exageres, ou ele vai pensar que estás a ter um ataque.

USA AS CORDAS VOCAIS
Uma vez, à noite, o meu antigo colega de apartamento estava a dar umas cambalhotas com a namorada e ela estava a fazer tanto barulho que eu só pude concluir que estaria a fingir. Aquela berraria programada pode servir para um homem, mas não convence outra mulher. Estou convencida de que, durante um orgasmo, a maioria das pessoas faz o mesmo som que um javali a ser espetado por uma lança. Mas um orgasmo fingido é a oportunidade perfeita para treinares a tua voz de backvocal sexy numa música do Usher — uma das minhas profissões de sonho. Quando estiveres pronta, grita: "Estou-me a vir! ESTOU-ME A VIR!" Completa a tua performance vocal com o tom de voz certo e polvilha tudo com alguns "oohs" e "aahs".

ABANA-TE TODA, COMO UMA POLAROID ACABADA DE TIRAR
Quando estiveres prestes a simular o orgasmo, é importante que ele sinta que o teu corpo está mesmo a atingir esse pico. Não podes ficar deitada e quieta à espera que ele simplesmente acredite em ti. Não consigo fazer com que as minhas mãos e pernas tremam como se tivesse acabado de ter um orgasmo fantástico a sério, mas se apertares as mamas com força e dramatismo qb deves ser perfeitamente capaz de o convencer. Os homens curtem isso.

DÁ-LHE UM MURRO
Se não estiveres muito confiante no teu talento como actriz, limita-te a dar-lhe um murro na cara. É a derradeira manobra de diversão! Ele vai ficar tão fodido com a situação que nem se vai lembrar de que, alguns instantes antes, estava a desconfiar da veracidade do teu orgasmo. Mas não sejas demasiado violenta, não queres ter de o levar ao hospital — só queres distraí-lo. É uma cena arriscada, sim: podem acabar por ir dormir chateados, ou, pior ainda, ele até pode curtir. Caso contrário, culpa o momento em si: a excitação era tanta que tiveste um espasmo no braço. Parabéns: acabaste de fingir um orgasmo sem realmente fingires um orgasmo.

OS INSTANTES IMEDIATAMENTE A SEGUIR
Assim que estiveres despachada, rebola e deita-te. Põe as costas de uma das mãos na testa, para dar mais dramatismo à coisa. Como se fosses uma miúda menstruada que passou o dia com um corpete mesmo apertadinho. Solta uns "uau" e "meu deus". Respira ofegantemente. Geralmente, depois de me vir prefiro que não me toquem, mas se preferires umas festinhas, tudo bem na mesma.

Acabaste de fingir um orgasmo, já podes adormecer. Trabalhaste bem, mereces descansar.

Tagged:
how to
orgasmo
kat George
ΟΡΓΑΣΜΟΣ
climax
dicas
Vice Blog
fingir
conselhos
ponto G
momento O
simular