Noticias

Jornalista Ricardo Boechat morre em acidente aéreo aos 66 anos

Boechat era um dos principais jornalistas do país.
11.2.19
Jornalista Ricardo Boechat morre em acidente de helicóptero
Crédito: Reprodução/Band TV

No início da tarde desta segunda-feira (11), o jornalista, radialista e apresentador Ricardo Boechat da Band TV morreu em um acidente aéreo. O helicóptero que o jornalista estava caiu na Rodovia Anhanguera e bateu na dianteira de um caminhão que transitava em uma das pistas. O piloto, Ronaldo Quattrucci também morreu.

Boechat saía de uma palestra em Campinas de manhã e estava a caminho da capital paulistana, onde pousaria no heliponto da Band localizado no Morumbi, zona sul de São Paulo. O helicóptero caiu próximo ao quilômetro 7 da rodovia, sentido Castelo Branco. Segundo a CCR Rodoanel Oeste, o motorista do caminhão ficou ferido, mas saiu com vida.

Publicidade

Segundo o UOL, a notícia da morte de Boechat demorou para vir ao público por respeito à família. Fernando Mitre, diretor de Jornalismo da Band, quis pessoalmente falar com a esposa do apresentador.

A aeronave era uma Bell Helicopter, prefixo PT-HPG, fabricada em 1975. De acordo com a Aeronáutica, estava regular e o modelo é considerado seguro para viagens com até cino pessoas. As apurações sobre o acidente já foram iniciadas pelo Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA IV), órgão regional do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA).

Ricardo Eugênio Boechat nasceu em 13 de julho em Buenos Aires quando seu pai, um diplomata brasileiro, estava a serviço Ministério das Relações Exteriores. Nos anos 1970 iniciou sua carreira de repórter no finado Diário de Notícias e passou as próximas décadas atuando nos principais veículos do país.

Boechat era âncora do Jornal da Band, da rádio BandNews FM e colunista da revista IstoÉ. Ficou também conhecido pela suas críticas contundentes a políticos como Jair Bolsonaro, o pastor Silas Malafaia e o Partido dos Trabalhadores. Boechat ganhou três vezes o prêmio Esso (um dos principais do país para a categoria), oito vezes o prêmio Comunique-se e foi considerado um dos jornalistas mais admirados do país, segundo a J&Cia e Maxpress.

Diversos colegas de profissão lamentaram a morte prematura do jornalista aos 66 anos. Boechat deixa a esposa e seis filhos.

Siga a VICE Brasil no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.