FYI.

This story is over 5 years old.

Assista ao Doc que o Família de Rua Fez Registrando a Final do Duelo de MCs Nacional

Filme de 50 minutos traz cenas da segunda edição do maior campeonato de rimas do país
29.4.14

Em 25 de agosto de 2013, sob o viaduto Santa Tereza, na capital mineira de Belo Horizonte, mais de cinco mil pessoas assistiram ao MC local Douglas Din vencer o bicampeonato brasileiro na maior disputa de rimas improvisadas do país. Era a segunda edição do Duelo de MCs Nacional, durante uma tarde que ainda recebeu shows da pesada dos feras Rappin Hood, Matéria Prima e Marechal, além do DJ Nyack e intervenções dos artistas Raquel Schembri e Dalata.

Publicidade

A celebração histórica foi registrada em vídeo e rendeu um documentário de 50 minutos que acaba de ser lançado na web e que vocês curtem por aqui. A bandeira é da Família de Rua e a direção é da dupla Lucas Emanuel e Fernando Libânio. O filme serve para esquentar a chapa para a edição do Duelo agora em 2014, enquanto o Coletivo Família de Rua ainda está no corre para descolar os recursos a fim de viabilizar o projeto. E é claro que vai dar tudo certo para mais uma festa bonita, nénão?

Mês passado noticiamos aqui que os encontros sob o viaduto estavam ameaçados de não ter mais um espaço para acontecer, já que o local havia sido fechado para reforma. De quebra, a prefeitura estava imponto um monte de enroscos burocráticos e até uma taxa de cerca de R$ 33 mil por ano para que o evento pudesse rolar em outro pico. A alegação era de que o coletivo precisava oferecer "contrapartidas sócio-culturais". Leia a matéria para sacar a fita toda.

No último dia 16, a organização recebeu um parecer favorável e os encontros já estão isentos das taxas. Agora o pessoal vai entrar com o pedido de licença para realizar as atividades na Praça Sete, centro da cidade, enquanto o viaduto Santa Tereza estiver em obras. O parecer foi emitido pela Procuradoria Geral do Município e enviado à imprensa pela própria Prefeitura de Belo Horizonte. "A partir de agora vamos realizar o Duelo de MCs no primeiro e terceiro sábado do mês, na praça, e o Game of Skate no segundo sábado do mês, no mesmo lugar", informou Pedro Valentim, porta-voz do coletivo.

As edições semanais do Duelo de MCs, evento que deu origem ao campeonato nacional, começaram a rolar em 2007 e desde então o rolê se tornou um marco para a cultura hip hop da cidade. O aniversário de cinco anos do evento de cultura urbana aberto ao público serviu de estímulo para a ideia de fazer um documentário mostrando a cena local. Foi um momento clássico: contou com oito MCs disputando a grande final e apresentações do Rappin Hood e do Emicida, que tocaram como atrações surpresa.