O aniversário da Praia da Estação

Nove anos de curtição nas ruas de Belo Horizonte.

|
jan 13 2016, 9:30am

Foto: Lincon Zarbietti

O som pode ser ouvido já há alguns metros de distância. Os tambores dão eco pelas ruas do centro da capital mineira e para quem não conhece, a chegada é épica. A praia mineira está ali, no coração de concreto de Belo Horizonte - a Praça da Estação. É ali - onde a cidade começou e por onde tudo chegou a essa terra de montanhas - que os mineiros criaram a sua própria praia.

Foto: Lincon Zarbietti

Falta areia, mas sobram biquínis, brincadeiras, filtro solar, catuaba do amor, banhos de fonte e já houve até um surfista. Tudo isso embalado pelos tambores dos percussionistas e carnavalescos da cidade e com um histórico político e de luta. Combinação essa que impulsionou uma nova vida ao baixo centro da cidade, deu fôlego ao carnaval belo-horizontino e mostrou uma vocação dos mineiros a ocupar a cidade. "Praia, Prapraia, Prapraia da Estação", gritam os praianos comemorando o seu mais novo ponto de encontro do verão.

Foto: Lincon Zarbietti

A história da praia começou em janeiro de 2010, como uma reação a um decreto municipal, no qual o então prefeito Marcio Lacerda proibiu eventos na Praça da Estação. Logo após a assinatura do decreto, algumas pessoas começaram a se movimentar e questionar a decisão. Já que Minas não tem mar, as pessoas foram para a praça se banhar. Mesmo com cunho político, a praia se tornou icônica e tem agregado, cada vez mais, as pessoas da cidade. Ali de tudo acontece: a ambulante que vai de biquíni trabalhar, crianças brincando na fonte, amigos fazendo piqueniques, e há quem leve também o seu som.

Foto: Lincon Zarbietti

Parece impossível pensar que Belo Horizonte abandone o bar e vá para a praia, mas é verdade. Completando seis anos de existência, a última edição aglomerou centenas de pessoa e já foi uma espécie de abertura para o Carnaval de 2016. O batuque nunca para e demonstra que o evento já é cultural para a cidade. Não existe mais Belo Horizonte sem Praia da Estação e ela parece que veio para ficar. O que antes se limitava aos sábados do verão, hoje já acontece quase durante todo o ano. É oficial: Minas Gerais agora tem mar. Mar de gente, mar de folia, mar da estação.

Foto: Lincon Zarbietti

Em sua edição de aniversário, no último dia 09 de janeiro, foi possível reviver cada momento dos últimos seis anos. A fonte foi ligada durante o dia, houve a tradicional vaquinha para o caminhão pipa e os batuqueiros animaram a festa. A bebida oficial também não podia faltar e foi com o Catuçaí (um mix de catuaba com açaí) que a galera se embriagou. É magia pura, é praia no cimento e é excitação coletiva. Relembrando o que criou a praça, os banhistas cantaram:"Ei Lacerda, seu decreto é uma merda. Ei polícia, a praia é uma delícia". Delicia mesmo.

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Foto: Lincon Zarbietti

Mais VICE
Canais VICE