Esta história é mais de 5 anos de idade.
Noticias

A Aurora Dourada Tem um Fã Clube na Inglaterra: A Nova Aurora

A extrema-direita grega ganhou simpatizantes ingleses.

por Sumy Sadurni
13 Novembro 2013, 3:20pm

No sábado passado, fascistas ingleses se encontraram em Londres para mostrar seu apoio aos fascistas gregos. Reunidos na frente da embaixada grega, cerca de 35 simpatizantes ingleses da organização de extrema-direita grega Aurora Dourada (AD) anunciaram oficialmente a gênese do movimento nacionalista que eles chamaram de "Nova Aurora".

A manifestação do grupo pretendia ser uma demonstração de solidariedade a dois membros gregos do Aurora Dourada, mortos a tiros na frente do escritório do partido em Atenas na semana passada. No entanto, ao contrário de seu colegas mediterrâneos, conhecidos pelos casos de imigrantes esfaqueados e mulheres espancadas em frente às câmeras de TV, o fã clube inglês do AD mostrou uma abordagem bem mais maçante para espalhar sua mensagem, balançando bandeiras, discursando e fazendo um minuto de silêncio em memórias dos membros do AD mortos.

Passando pela grande presença policial desnecessária no local, conversei com o diretor da Nova Aurora – que, como todo nacionalista orgulhoso, preferiu não dar seu nome – e pedi que ele me explicasse algumas coisas sobre essa nova iniciativa.

VICE: O que a Aurora Dourada está fazendo no Reino Unido?
Nova Aurora: Estamos manifestando nossa solidariedade para com todos os nacionalistas da Europa, em respeito à situação atual na Grécia. Ou todas as nações vão se levantar do abismo como uma, ou não nos levantaremos nunca.

Você tem expatriados gregos em seu grupo?
Sim, temos alguns descendentes de gregos no grupo – eu diria cinco ou seis.

O que a Aurora Dourada grega acha do seu apoio aqui? Vocês mantêm contato com eles oficialmente?
Tenho alguns contatos com o Aurora Dourada na Grécia, que incluem pessoas envolvidas com outros grupos nacionalistas afiliados à Aurora Dourada. Organizamos uma manifestação de apoio ao partido em janeiro, novamente com o apoio oficial das pessoas do AD na Grécia.

Qual é sua opinião sobre o assassinato do rapper antifascista Pavlos Fyssas por um simpatizante da AD no meio do ano?
Primeira coisa, qualquer assassinato é lamentável, mas tudo tem que ser colocado em perspectiva. O indivíduo que foi morto era parte de um violento grupo antifa – ele era um anarquista que cantava músicas pedindo o assassinato de nacionalistas. Pelo que ouvi dizer, a situação na qual ele foi morto foi uma briga entre dois grupos de torcedores de futebol num bar, então, não é como se ele fosse um espectador inocente.

Bom, há evidências ligando oficiais da Aurora Dourada ao assassinato, sugerindo que eles autorizaram a ação. Não me parece uma coisa muito espontânea.
Houve alguns incidentes nos últimos anos em que nacionalistas foram assassinados por antifas, mas o sistema não reagiu a isso prendendo membros de um partido de esquerda e invadindo suas casas.

OK. E sobre os membros do Aurora Dourada mortos a tiros dentro daquele quartel-general grego na semana passada? A palavra "mártires" apareceu muito durante a manifestação de hoje.
Eles são mártires da causa da liberdade europeia.

O que você achou da reação da mídia aos assassinatos?
A mídia distorce tudo porque é controlada por grupos com interesses especiais, hostis a nós nacionalistas. Os assassinatos receberam pouca ou nenhuma cobertura da mídia de massa, apesar da morte do antifascista ter virado manchete. O que aconteceu com Manolis Kapelonis e Giorgos Fountoulis foi claramente um assassinato a sangue frio, tolerado, se não ordenado, pelos poderes políticos estabelecidos na Grécia. Não acho que os assassinatos foram cometidos por antifascistas – a ação foi muito profissional.

Será que veremos respostas violentas a esses assassinatos por parte da Aurora Dourada na Grécia?
É possível que alguns membros reajam violentamente, mas esperamos que isso não aconteça, já que isso daria mais munição para que o sistema fechasse o partido. O partido ganhou, injustamente, a reputação de ser violento, mesmo que seus oponentes sejam ainda mais violentos.

Como eu disse antes, há evidências que sugerem o contrário. Hipoteticamente, se ações violentas acontecerem, os simpatizantes ingleses continuarão apoiando o partido?
Com certeza não toleramos violência, mas não vamos retirar nosso apoio. Vamos continuar apoiando o partido porque temos certeza que nenhum ataque violento será endossado pela liderança. Provavelmente será o caso de indivíduos isolados.

Certo. Fale um pouco sobre a Nova Aurora – por que você acha que o Reino Unido precisa de um novo movimento nacionalista?
A Nova Aurora é um movimento ideológico ainda em estado embrionário. A decisão foi tomada por pessoas envolvidas no movimento inglês devido ao estado de fragmentação e confusão geral por aqui [na paisagem nacionalista britânica]. Consideramos que devíamos montar um grupo com uma ideologia radical por um lado e presença nas ruas de outro – fazendo manifestações e tudo mais.

Que tipo de apoio vocês estão esperando? O que você vê no futuro do Nova Aurora?
Esperamos atrair pessoas que não tenham outro lugar para ir no Reino Unido. Pessoas que não veem os grupos normalmente associados com a extrema-direita conseguindo avanços. Potencialmente, podemos conseguir muito apoio, especialmente considerando a situação dentro de outros movimentos. O BNP (o Partido Nacionalista Britânico), por exemplo, vem perdendo muitos membros, enquanto a EDL (Liga de Defesa Inglesa) têm experimentado brigas internas, depois que líderes deixaram o movimento recentemente.

Um problema é que as pessoas na Inglaterra não estão tão financeiramente desesperadas para se unir inteiramente a um movimento de extrema-direita, que é o tipo de coisa que impulsionou o AD na Grécia.
O desafio é que as pessoas na Inglaterra têm um padrão de vida muito confortável comparado ao padrão atual grego. Mesmo se as pessoas estão desempregadas, elas ainda conseguem tomar uma cerveja de vez em quando. Além disso, a mentalidade britânica é fascinada pelo liberalismo, o que é um grande obstáculo. Definitivamente, há muito potencial, já que as pessoas estão procurando por algo mais radical. Mas estamos tentando fazer algo construtivo aqui – acho que uma nova Aurora Dourada é viável, mas antes de mudar a situação, temos que mudar nós mesmos.

Mais histórias sobre a extrema-direita da Europa:

A Festa na Praia do Partido Neonazi Grego

Estaria a Aurora Dourada Recorrendo ao Terrorismo?

Um Membro da Aurora Dourada Assassinou um Rapper Antifa