Viagem

Um puto de 12 anos chateou-se com os pais e fugiu para Bali

Aparentemente, roubou o cartão de crédito aos cotas e escapou na sua trotinete eléctrica.
25.4.18
Turistas ao sol na praia de Kuta, em Bali. Foto por SONNY TUMBELAKA/AFP/Getty Images.

Este artigo foi originalmente publicado na VICE USA.

É mesmo assim, é um facto da vida - as crianças às vezes discutem com os pais e ameaçam fugir para sempre. Mas, enquanto a maioria destas ameaças não vão muito mais longe do que um puto fechado na casa da árvore durante uma tarde, um génio de 12 anos na Austrália elevou o conceito de fugir a todo um novo nível. Roubou o cartão de crédito dos pais, pegou na sua trotinete eléctrica e fugiu para Bali para umas férias a solo.

Publicidade

Segundo o programa televisivo de informação australiano A Current Affair, este miúdo de Sidney, a quem o programa se refere como "Drew", chateou-se com os pais, presume-se que por causa de um jogo de Fortnite, ou algo do género e montou um plano para escapar. Depois de pesquisar online sobre as regras para menores viajarem sem pais, roubou o cartão de crédito da familia e foi de trotinete até ao aeroporto, onde embarcou num voo internacional até Bali. Quando os pais se aperceberam que ele tinha desaparecido, já o puto tinha feito o check-in num hotel indonésio, completamente preparado para começar as suas férias.

Drew - que, a avaliar pelas imagens transmitidas pelo A Current Affair, é também capaz de dar cabo de um quarter-pipe com a sua trotinete - conta que usou as máquinas de self check in para evitar suspeitas no aeroporto e no hotel em Bali convenceu o staff a deixá-lo subir para o quarto dizendo que estava a viajar com a irmã. De acordo com o The Guardian, foi mandado parar uma vez no aeroporto, mas deixaram-no seguir depois de lhe verificarem o passaporte.

"Chocada, enojada… Não há explicação para o que sentimos quando descobrimos que ele tinha fugido para o estrangeiro," explicou a mãe de Drew no programa televisivo. Furiosa, a progenitora não tardou a meter-se num voo para Bali para ir buscar o filho. Não se sabe ao certo quanto dinheiro gastou Drew do cartão de crédito dos pais, mas é provável que o nosso herói tenha pela frente um par de décadas de tarefas domésticas para compensar a dívida.

Ao fim e ao cabo, Drew parece sentir-se bastante feliz com a aventura, apesar do inferno que deve ter vivido quando os pais finalmente o apanharam. "É uma semana que não vais esquecer", disse o apresentador do A Current Affair a Drew na entrevista. "Espero que não", respondeu o puto. Falou como uma verdadeira lenda.

Se aqueles tipos de meia-idade que jogam à apanhada viram a sua história ser transformada num filme, podemos pensar que será só uma questão de tempo até a gloriosa escapadela de Drew para Bali se tornar num projecto hollywoodesco, ao estilo bizarro de Sozinho Em Casa - e já agora também com aquele outro puto australiano que roubou um carro e guiou durante dois mil quilómetros pelo país fora.


Segue a VICE Portugal no Facebook , no Twitter e no Instagram .

Vê mais vídeos , documentários e reportagens em VICE VÍDEO.